São duas boas notícias em uma. O sorbet de cupuaçu Bapka já está à venda nos bufês da marca. E agora os curitibanos tem novas lojas disponíveis para consumir o produto, como veremos neste post.

O que é sorbet?

“O sorbet é um sorvete leve e saboroso feito sem leite e à base de água e da polpa da fruta” – explica o engenheiro químico Marcos Chimiluk, que trabalhou no desenvolvimento do sorbet de cupuaçu da Bapka.

De acordo com o Trésor de la Langue Française, a palavra sorbet surgiu no século XVI. Criado na Turquia, nessa época o sorbet não era muito diferente de um suco de fruta congelado.

Com o passar do tempo, essa guloseima invadiu a Itália e foi aperfeiçoada na França, onde se tornou o tipo de sorvete que conhecemos hoje.

E agora o sorbet ficou mais exótico com o toque brasileiro do cupuaçu.

Por que sorbet de cupuaçu?

Típico da Amazônia e muito presente no norte e no nordeste do Brasil, o fruto do cupuaçuzeiro (Theobroma grandiflorum, família Malvaceae) tem um sabor riquíssimo que conquistou fãs em todo o território nacional.

Na culinária, já tem fã clube inclusive no Sul. Por aqui, é bastante utilizado em sucos, sobremesas e até na produção de chocolates.

Afinal, quem não gosta de uma cremosa mousse de cupuaçu? Nunca provou? Corre para a Bapka e não perca a chance de degustar esse sabor deliciosamente brasileiro!

Sem leite. Sem lactose.

Para a fabricação do sorbet de cupuaçu Bapka, o fruto é trazido da Bahia. É em Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, que a polpa do cupuaçu baiano vira sorbet paranaense.

Além do sabor único, o sorbet de cupuaçu Bapka tem a vantagem de não conter lactose. Isso significa que pode ser consumido sem medo por pessoas com algum grau de intolerância ou alergia ao açúcar do leite.

Por outro lado, o sorbet de cupuaçu Bapka favorece também os celíacos.

“Não há nenhuma fonte de glúten nesse produto. Inclusive, o sorbet é feito nessa instalação em Fazenda Rio Grande porque aqui a gente não manipula nada que tenha lactose ou glúten. Dessa forma, não é possível ocorrer qualquer tipo de contaminação cruzada” – explica Chimiluk.

Sorbet seguro, sem contaminação cruzada

A contaminação cruzada ocorre na lavoura, transporte ou indústrias que manipulam alimentos sem glúten nas mesmas máquinas onde passam produtos com glúten.

Um caso muito comum é o da aveia. Naturalmente, esse cereal não contém glúten. Mas como costuma ser processado e embalado nas mesmas máquinas por onde passam farinha de trigo e outros cereais ricos em gúten, acaba sendo contaminado e pode ser perigoso para pessoas celíacas.

Por isso a linha de sorbet da Bapka é fabricada em uma planta industrial própria. Isso torna o produto totalmente livre de contaminação cruzada e seguro para alérgicos ou intolerantes a glúten e lactose.

Atualmente, além do novo sorbet de cupuaçu, a Bapka também comercializa os sorbets de açaí com guaraná, açaí com banana e açaí com morango. Eles também são fabricados na indústria de Fazenda Rio Grande e, igualmente, não contêm glúten nem lactose.

Comercialização do novo sorbet de cupuaçu Bapka

Você encontra o sorbet de cupuaçu em sorveterias de varejo e no bufê das lojas padrão Bapka. Além de consumi-lo nesses locais, você também pode levar para casa embalagens de 5 litros.

Nas lojas padrão, a política de preços é padronizada e as promoções realizadas pela Bapka são garantidas. Isso tem atraído cada vez mais consumidores para as sorveterias exclusivas da marca. “A procura pela loja padrão é muito grande. Como se trata de padronização, o consumidor já sabe onde tem os produtos da marca no preço promocional” – explica Valdir Luiz do Carmo, gerente comercial da Bapka há 19 anos.

Novas lojas para consumir sorbets e sorvetes Bapka

Duas lojas padrão Bapka foram inauguradas em fevereiro de 2019. Ambas em bairros considerados nobres de Curitiba: o Cristo Rei e o Juvevê.

A localização das novas lojas mostra que a marca, apesar de ter uma política de preços acessíveis, tem qualidade reconhecida em todas as classes sociais.

“A receptividade está sendo muito boa. O respeito com o nosso produto é cada vez maior nas classes A, B, C e D” ­­ – diz do Carmo.

Nova loja Bapka Cristo Rei

Inaugurada no dia 22 de fevereiro, a loja Bapka do Cristo Rei fica na Avenida Nossa Senhora da Penha, 161. Está próxima ao Extra 24 horas. Além do tradicional bufê de sorvetes Bapka, oferece picolés, potes, milk-shakes, o novo sorbet de cupuaçu Bapka e também os de açaí, além de petit gateau.

A sorveteria abre diariamente, das 10 às 18 horas. “Foi feito um estudo de movimento e é um bom ponto de circulação” – disse Alexandre do Carmo, proprietário da sorveteria.

 Sorveteria Bapka do Juvevê

Toda a linha de sorvetes Bapka está à disposição dos curitibanos na nova loja da Rua Doutor Goulin, 1259. A sorveteria fica quase na esquina com a Padre Germano Mayer, um ponto de grande movimentação na zona norte de Curitiba.

A Bapka do Juvevê foi inaugurada em 21 de fevereiro. E o movimento superou as expectativas. “Escolhemos esse ponto porque era um dos locais em que a Bapka ainda não tinha loja. A expectativa é a melhor possível e o movimento no dia de inauguração foi muito bom, apesar da chuva” – diz Luiz Felipe Ferreira, proprietário da sorveteria.

A loja Bapka do Juvevê funciona diariamente, das 10 às 19 horas.

É mais um local privilegiado para tomar o novo sorbet de cupuaçu Bapka.